fábrica da Jeep

Com visita de Dilma, Humberto destaca força do Nordeste

 Um ano atrás, Dilma entregou o Dragão do Mar e batizou o Henrique Dias em Pernambuco.  Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

Um ano atrás, Dilma entregou o Dragão do Mar e batizou o Henrique Dias em Pernambuco. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

O líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), ressaltou nesta quarta-feira (13), em discurso na tribuna do plenário, que a viagem da presidenta Dilma Rousseff amanhã a Pernambuco para participar da cerimônia da viagem inaugural do navio petroleiro André Rebouças – o quinto produzido pelo Estaleiro Atlântico Sul, em Ipojuca – é mais uma prova da força do Nordeste no desenvolvimento do país.

É a segunda vez em 15 dias que Dilma vai ao Estado. No último dia 28, a presidenta esteve em Goiana, na Mata Norte pernambucana, para participar da inauguração da fábrica da Jeep. O ex-presidente Lula também viajou ao Estado, no mês passado, para prestigiar o lançamento da fábrica da Itaipava.

Para Humberto, o fato de Dilma e Lula terem estado em Pernambuco em três visitas, no último mês e meio, para promoverem inaugurações industriais é algo extremamente simbólico.

“Demonstra a prioridade que o desenvolvimento regional equilibrado da federação ganhou na pauta dos governos do PT, governos que se esforçaram para que as regiões brasileiras tivessem oportunidade de crescer de acordo com as suas potencialidades”, afirmou.

Não à toa, segundo o parlamentar, os resultados são visíveis. Além do crescimento industrial do Nordeste, a agricultura apresenta resultados extremamente positivos. As estatísticas oficiais apontam, por exemplo, que a região deverá produzir, somente este ano, uma safra de quase 19 milhões de toneladas, um aumento de 20% em relação ao ano passado.

Assim, a região deve ultrapassar a produção do Sudeste pela primeira vez na história do Levantamento Sistemático de Produção Agrícola, realizado pelo IBGE desde 1974, ou seja, há 41 anos.

“E tudo isso, toda essa superação, conquistada a despeito de uma das piores secas da história, vencida graças aos programas de segurança hídrica que têm modificado a história da nossa região”, observou.

Humberto lembrou ainda que o Nordeste cresceu 3,7% em 2014, destoando, positivamente, do resto do país, que cresceu 0,1% no mesmo período. O mesmo ocorreu no campo. No conjunto, a produção agrícola aumentou 9% na região e 1,8% no Brasil em 2014.

“Ao contrário das migalhas que, durante anos, nos foram jogadas pelo poder central, tratando o povo nordestino como miserável e incapaz, foi preciso que um filho da seca, que chegou a São Paulo num pau de arara, tivesse a coragem de mudar essa lógica e provasse ao país que o Nordeste não precisava de esmolas. Os resultados estão aí”, afirmou.

Além da cerimônia da viagem inaugural do navio petroleiro André Rebouças, a presidenta Dilma fará amanhã o batismo do sexto navio petroleiro, o Marcílio Dias, numa sólida demonstração de que a indústria naval brasileira, retomada pelo presidente Lula, é atualmente uma das mais importantes do planeta.

 

 

Assistam ao vídeo com trecho do discurso do senador:

Link: https://www.youtube.com/watch?v=YLk9mCxrR4g&feature=youtu.be

 

 

Humberto: “Arco Metropolitano é marco para desenvolvimento de Pernambuco”

A obra vai criar uma nova e moderna conexão do norte com o sul de Pernambuco, disse o senador.  Foto: Alessandro Dantas/ Liderança do PT no Senado

A obra vai criar uma nova e moderna conexão do norte com o sul de Pernambuco, disse o senador. Foto: Alessandro Dantas/ Liderança do PT no Senado

Para o líder do PT no Senado, Humberto Costa, a declaração da presidente Dilma Rousseff de que vai iniciar o processo de licitação do Arco Metropolitano já no mês de maio representa “um importante marco” para o desenvolvimento econômico do Estado e do Nordeste. O anúncio da presidente Dilma foi feito na última segunda-feira (27), durante evento da inauguração da fábrica da Jeep, em Goiana.

O petista lembrou que, mesmo com a crise, a presidente Dilma tem dado continuidade ao projeto, iniciado pelo ex-presidente Lula, de garantir o crescimento regional. “Nos últimos 12 anos, trabalhamos para reequilibrar a Federação e induzir o desenvolvimento inclusivo do Nordeste, esquecido há muito tempo por Brasília. Recentemente, por exemplo, o Banco Central divulgou que o Nordeste cresceu 3,7% no ano passado, destoando, positivamente, do resto do Brasil, que cresceu 0,1% no mesmo período. É um resultado extraordinário”, destacou.

Humberto ainda falou sobre a importância do Arco para o Estado. “A obra vai criar uma nova e moderna conexão do norte com o sul de Pernambuco, nas bordas da Região Metropolitana do Recife com a Zona da Mata, fomentando uma arrojada ligação entre os municípios de toda essa área com o Porto de Suape e com o próprio interior do Estado”, disse o senador.

Ainda sobre a inauguração da Jeep, Humberto voltou a destacar a “criação de um novo polo automotivo” em Pernambuco. “Os números mostram, de fato, o gigantismo do complexo industrial. Foram investidos mais de R$ 7 bilhões para a sua execução, com a geração de mais de 9 mil empregos diretos e indiretos”, ressaltou o senador, que foi relator da Medida Provisória no Senado que criou as condições para que a fábrica pudesse ser instalada no Estado.

GOVERNO – O senador Humberto Costa ainda elogiou a escolha do senador Delcídio Amaral (PT-MS) para a liderança do governo. “A indicação não poderia ter sido melhor. Além de compor os quadros do PT, Delcídio é reconhecido por ter trânsito livre em todos os segmentos aqui da Casa, inclusive com a oposição”, disse.