CNB defende unidade do PT Pernambuco


Corrente majoritária do PT em Pernambuco, a CNB (Construindo um Novo Brasil) realizou hoje (22) um encontro com as principais lideranças do grupo e dirigentes de todas as regiões do Estado. Na pauta da reunião, a organização da tendência para as eleições do próximo ano e a preocupação com a unidade da legenda e da Frente Popular.
Na ocasião, foi aprovada uma nota em que a corrente reafirma os compromissos com as gestões federal, estadual e municipal e faz um apelo pela unidade da legenda em todos os municípios, principalmente no Recife. “Defendemos que as democráticas divergências sejam superadas com toda a urgência”, diz o texto. O grupo defende um prazo para que os problemas do partido sejam resolvidos até fevereiro de 2012 e que sejam definidas “candidaturas competitivas que fortaleçam a unidade do PT e das forças aliadas”.
“A gente precisa se resolver internamente para também resolver com os aliados. Não pretendemos chegar neste prazo com as coisas mal estruturadas”, afirmou um dos coordenadores da corrente, Dilson Peixoto

Durante o evento, dirigentes petistas falaram sobre os cenários locais e regionais e defenderam a ampliação do fortalecimento do partido nas eleições municipais do próximo ano. “Queremos garantir a convivência e o diálogo com todos os companheiros (as) e os militantes do partido e também ouvir as principais solicitações dos diretórios municipais e dos setores sociais”, defendeu Dilson.
A CNB tem hoje cerca de 62 pré-candidatos a prefeito, o único senador do PT no Estado (Humberto Costa), um deputados federal (Pedro Eugênio), cinco deputados estaduais (Isabel Cristina, Odacy Amorim, André Campos, Sérgio Leite e Manoel Santos), dois secretários de governo (Isaltino Nascimento e Maurício Rands) e centenas de vereadores em todo Estado, a dirigência da CUT (Sergio Goiana), da Fetape (Doriel Barros), de vários sindicatos e movimentos estudantis. Mais de 200 pessoas estiveram presentes ao evento.
Fonte: publicado no Blog de Humberto Costa.

Show CommentsClose Comments

Leave a comment