Em defesa de uma polícia mais forte, senador Humberto é homenageado por delegados


O senador Humberto Costa (PT/PE) recebeu na noite desta sexta-feira (5/7), no hotel Monte Carlo, em Gravatá/PE, a Medalha do Mérito Tiradentes, entregue pela Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF). A homenagem foi concedida em reconhecimento aos serviços prestados pelo petista para o fortalecimento e a autonomia dos trabalhos da corporação.
O senador foi relator do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 132/2012, sancionado recentemente pela presidenta Dilma Rousseff, que estabelece que o cargo de delegado de polícia é privativo de bacharel em Direito, devendo-lhe ser dispensado o mesmo tratamento protocolar dos magistrados, membros da Defensoria Pública e do Ministério Público.
“Fizemos questão de prestar esta homenagem ao senador Humberto Costa, não apenas por ele ter defendido este projeto, mas por estar colocando o seu mandato a nosso favor, defendendo causas que ajudam no bom funcionamento da corporação”, enfatizou o presidente da Associação Nacional dos Delegados da Polícia Federal (ADPF), Marcos Leôncio Ribeiro.
Também estiveram presentes no evento o secretário estadual de Defesa Social, Wilson Damázio, o diretor regional da ADPF Pernambuco, Daniel Silvestre, e o representante da Associação dos Delegados de Polícia de Pernambuco (ADEPPE), Francisco Rodrigues.
Em seu discurso, o senador enfatizou se sentir muito honrado em receber a homenagem e ter certeza de ter defendido uma causa justa. “Sei da importância da atividade de vocês para o nosso País e não poderia deixar de colocar o meu mandato à disposição. As investigações conduzidas pelos delegados devem ser técnicas e imparciais, isentas da pressão política. Podem contar comigo para avançar no debate por outras causas, como a aposentadoria especial para os delegados, que vivem diariamente em situação de risco”, disse.
Texto e fotos: Thiago Marinho.

Show CommentsClose Comments

Leave a comment