Humberto Costa ressalta ações de Pernambuco no combate à violência contra a mulher


Em pronunciamento nesta quarta-feira (18/4), o senador Humberto Costa (PT-PE) destacou o trabalho que vem sendo realizado pela Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) sobre a violência contra a mulher, que tem como relatora a senadora Ana Rita (PT-ES), e a visita que foi feita a Pernambuco nesta semana. Segundo o relato do petista, a comissão realizou audiência pública no Recife na última segunda (16/4), com a participação de representantes dos movimentos sociais, políticos e cidadãos preocupados com os altos índices de violência contra a mulher.
Humberto lembrou que acompanhou os integrantes da comissão em alguns compromissos, como as audiências com o prefeito do Recife, João da Costa (PT), e com o governador Eduardo Campos (PSB), e que, na ocasião, os representantes do Estado puderam mostraram resultados dos programas de prevenção e de enfrentamento à violência que estão sendo desenvolvidos na atualidade.
O senador disse, por exemplo, que a prefeitura ressaltou o trabalho de divulgação da Lei Maria da Penha, com a distribuição de cartilhas explicativas, e prestou informações sobre os serviços de acolhimento às mulheres vítimas de violência. E que o governo estadual enfatizou a criação de 14 novas delegacias da mulher e de seis casas-abrigo no estado, além da implantação de organismos municipais responsáveis pela promoção de políticas de gênero em Pernambuco.
Em 2006, Pernambuco era o segundo Estado mais violento, passando para o 10° lugar em 2010. “Nesse período, a taxa de homicídios contra a mulher caiu 25%”, disse Humberto Costa.
Fonte: Agência Senado.

Show CommentsClose Comments

Leave a comment


Em pronunciamento nesta quarta-feira (18/4), o senador Humberto Costa (PT-PE) destacou o trabalho que vem sendo realizado pela Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) sobre a violência contra a mulher, que tem como relatora a senadora Ana Rita (PT-ES), e a visita que foi feita a Pernambuco nesta semana. Segundo o relato do petista, a comissão realizou audiência pública no Recife na última segunda (16/4), com a participação de representantes dos movimentos sociais, políticos e cidadãos preocupados com os altos índices de violência contra a mulher.
Humberto lembrou que acompanhou os integrantes da comissão em alguns compromissos, como as audiências com o prefeito do Recife, João da Costa (PT), e com o governador Eduardo Campos (PSB), e que, na ocasião, os representantes do Estado puderam mostraram resultados dos programas de prevenção e de enfrentamento à violência que estão sendo desenvolvidos na atualidade.
O senador disse, por exemplo, que a prefeitura ressaltou o trabalho de divulgação da Lei Maria da Penha, com a distribuição de cartilhas explicativas, e prestou informações sobre os serviços de acolhimento às mulheres vítimas de violência. E que o governo estadual enfatizou a criação de 14 novas delegacias da mulher e de seis casas-abrigo no estado, além da implantação de organismos municipais responsáveis pela promoção de políticas de gênero em Pernambuco.
Em 2006, Pernambuco era o segundo Estado mais violento, passando para o 10° lugar em 2010. “Nesse período, a taxa de homicídios contra a mulher caiu 25%”, disse Humberto Costa.
Fonte: Agência Senado.

Show CommentsClose Comments

Leave a comment