Humberto deixa liderança e mantém unidade do partido no Senado

Com a presença do presidente do PT, Rui Falcão, a bancada petista no Senado escolheu, hoje, o senador Walter Pinheiro (BA) como seu novo líder. Walter foi eleito por unanimidade após o senador Wellington Dias (PI) retirar sua candidatura, gesto que reafirma a disposição de a bancada manter sua unidade. “O sentimento de unidade que prevaleceu durante a liderança do senador Humberto Costa (PE) em 2011 com certeza continuará vigorando para solucionar diversos problemas que virão pela frente e também para conduzir nossa caminhada no Senado”, disse o senador baiano, que assume por um mandato de um ano.
O gesto do senador Wellington Dias (PI) de abrir mão de uma disputa para o cargo de líder também foi bastante elogiado pelo ex-líder Humberto Costa (PE) que destacou seu desprendimento político em nome da unidade da bancada no Senado. “O senador Wellington tem todas as credenciais para ser líder, desenvolveu um grande trabalho ao longo desse primeiro ano, tem respeito de todos os integrantes da bancada e num gesto de generosidade, de apoio ao nosso partido e de construção da unidade, abriu mão dessa disputa”, disse Humberto. “Isso nos possibilitou chegar a uma posição muito confortável de escolher nosso novo líder, completou”.
Em entrevista coletiva, o novo líder, Walter Pinheiro, explicou que os senadores, durante a reunião, decidiram revisar o acordo feito há um ano que previa um rodízio na primeira-vice-presidência do Senado. Com isso, a senadora Marta Suplicy (SP) permanece por mais um ano no posto.
O senador Humberto Costa, que também foi indicado pela bancada no ano passado de forma unânime, recebeu elogios do presidente do PT, Rui Falcão, pelo seu trabalho no comando do partido na Casa.”Venho testemunhar a todos o reconhecimento do partido ao líder Humberto Costa, que teve a capacidade de contribuir para resultados importantes, na discussão e votação de projetos importantes, a defesa do governo da presidente Dilma Rousseff, na interação com o partido”, ressaltou Falcão.
Humberto, que e recebeu diversos títulos de influência e representatividade no Congresso Nacional em 2011, deve voltar ao cargo de vice-presidente nacional do partido, posto que deixou ao assumir a liderança em 2011.
Fonte: publicado no Blog de Humberto,
com informações da Liderança do PT no Senado.

Show CommentsClose Comments

Leave a comment