Humberto destaca reconhecimento da imprensa americana pelo trabalho da presidenta Dilma

O líder do PT e do Bloco de Apoio ao Governo no Senado, Humberto Costa (PE), disse nesta quarta-feira (30/11) que o papel de destaque do Brasil no cenário internacional continua a atrair a atenção da imprensa estrangeira. Em discurso na tribuna do Senado, o parlamentar ressaltou que o protagonismo da presidenta Dilma Rousseff como líder política global foi alvo de matérias elogiosas nas últimas edições das revistas americanas New Yorker e Foreign Policy.
“O desenvolvimento econômico e social do Brasil, seu protagonismo no cenário internacional e as políticas públicas implementadas pelos governos Lula e Dilma Rousseff, que conseguiram retirar 28 milhões de brasileiros da pobreza extrema nos últimos oito anos, são motivos de orgulho para nós, do Partido dos Trabalhadores. E também do povo brasileiro”, disse.
No discurso, o senador pernambucano registrou que a revista New Yorker, uma das mais conceituadas e importantes publicações norte-americanas, publicou perfil de 14 páginas sobre a presidenta Dilma. Ele mencionou que a revista Foreign Policy incluiu Dilma entre os 100 pensadores mais influentes do mundo em 2011.
Humberto lamentou que as ótimas referências ao Brasil e ao governo Dilma ocorrem num momento em que a oposição parece “perdida e sem rumo”, insistindo na tese de que o PT é responsável pela corrupção no Brasil, sem olhar para as mudanças realizadas pelos governos petistas nos últimos anos.
“É curioso que o PSDB, em sua propaganda partidária levada ao ar na noite desta terça-feira, reforce a tese de que a corrupção nasceu com o PT”, disse. “Justamente no momento em que é a própria oposição alvo de denúncias de corrupção em um esquema de fraudes de inspeção veicular em São Paulo e outros estados. Um esquema que, aponta a imprensa, nasceu no coração do PSDB: o estado de São Paulo, governado há 20 anos pelos tucanos”.
Segundo Humberto Costa, até o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso fez elogios ao desempenho da presidenta Dilma Rousseff na matéria publicada pela New Yorker. “A política, com pê maiúsculo, se faz em torno de políticas públicas, levando em conta os anseios do país, o bem-estar do povo e o compromisso de mudar para melhor a vida dos 190 milhões de brasileiros”, disse na tribuna do Senado. “Este é o caminho. É isso que o PT fez, entre 2003 e 2010, no governo Lula, e continua a fazer, desde o início deste ano, com a presidenta Dilma Rousseff”.
Registro – Também na tribuna do Senado, Humberto Costa, fez um registro sobre a reforma da emergência do Hospital Regional do Agreste (HRA) e dá início à construção do Hospital Mestre Vitalino. “Gostaria de registrar a importância desse empreendimento. O novo hospital fará atendimentos de média e alta complexidade e, com isso, desafogar o Hospital Regional do Agreste. Infelizmente não pude estar hoje em Pernambuco para a cerimônia, por causa das minhas atividades parlamentares. Mas fico feliz em poder contribuir, atuando aqui em Brasília, para as melhorias promovidas na área de saúde e o crescimento do Estado”, disse o petista.
Humberto é autor de emenda de bancada no valor de R$ 90 milhões para o hospital Mestre Vitalino. Os recursos devem sere executados no orçamento de 2012.
Texto: Ines Andrade.
Foto: Sérgio Figueirêdo.

Show CommentsClose Comments

Leave a comment