Integração Nacional conclui última licitação do Eixo Leste da Transposição do São Francisco

O contrato com o consórcio vencedor e as ordens de serviço da Meta 3L foram assinados na Paraíba

O Ministério da Integração Nacional concluiu a última licitação das obras complementares do Eixo Leste – Meta 3L – do Projeto de Integração do Rio São Francisco. O contrato com o consórcio vencedor e as ordens de serviços foram assinados em Monteiro, na Paraíba, nesta segunda-feira (26). Com isso, as atividades do empreendimento que passam por Sertânia, em Pernambuco, e em Monteiro, na Paraíba, serão intensificadas.
A proposta do Consórcio Bacia do São Francisco, no valor de R$ 705,2 milhões, foi a ganhadora do processo licitatório. O grupo vencedor é formado pelas empresas SA Paulista e FBS Construtora. Em maio, o ministério concluiu as outras duas licitações do Eixo Leste – Metas 1L e 2L. Com esta assinatura, resta pendente apenas o contrato da Meta 3N do Eixo Norte, que já está em andamento.
“Esta é a última frente de serviço a ser remobilizada no Eixo Leste. Nós teremos 220 quilômetros de canal pronto até o final de 2015. Em 2014 já teremos 100 quilômetros de água rolando no Eixo Leste da Transposição [do Rio São Francisco]”, disse Bezerra Coelho. Segundo o ministro, a ordem de serviço feita no sentido da Paraíba para Pernambuco irá acelerar ainda mais as obras.
Outras ações -Nos últimos meses, o órgão emitiu dez ordens de serviço para o Projeto e reforçou todas as frentes de trabalho. Atualmente o empreendimento conta com a atuação de mais de seis mil trabalhadores e dispõe de 1.800 equipamentos em seus canteiros de obras.
Somente em agosto foram assinadas três dessas ordens, autorizando a aplicação de mais de R$ 790 milhões no empreendimento. Do total, R$ 347,9 milhões são para a construção de canais, estações de bombeamento, reservatórios e pontes no Eixo Leste (Meta 1L e 2L). Os outros R$ 442,7 milhões serão investidos nas construções de novos reservatórios no Eixo Norte (Meta 2N).
Empreendimentos -O Projeto de Integração do Rio São Francisco vai atender mais de 12 milhões de pessoas e já é considerado a maior obra de infraestrutura hídrica construída no Brasil, estando inclusive entre as maiores do mundo.
O governo federal, em parceria com os governos estaduais, financia outras centenas de empreendimentos que estão gerando soluções definitivas para a falta d’água na região do semiárido. A cada R$ 1 investido na Integração do Rio São Francisco, outros R$ 2 são aplicados em obras estruturantes para garantir a segurança hídrica no Nordeste.

Fonte: Ministério da Integração Nacional.

Show CommentsClose Comments

Leave a comment