Terra Nova

Após visitar obras paradas, Humberto comemora retomada da transposição

 

Humberto: Conversamos com o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, e ele nos assegurou que a previsão é de que as atividades sejam iniciadas já na próxima segunda-feira. Foto: Asscom HC

Humberto: Conversamos com o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, e ele nos assegurou que a previsão é de que as atividades sejam iniciadas já na próxima segunda-feira. Foto: Asscom HC

 

Depois de visitar obras paralisadas pelo governo do presidente não eleito Michel Temer (PMDB) da transposição do São Francisco em Pernambuco e no Ceará esta semana, o líder da Oposição no Senado, Humberto Costa (PT-PE), comemorou a decisão da Justiça de derrubar a liminar que impedia a sequência das obras e a assinatura da ordem de serviço para a retomada do projeto no Eixo Norte.

“Conversamos com o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, e ele nos assegurou que a previsão é de que as atividades sejam iniciadas já na próxima segunda-feira (26). Ao todo, o Eixo Norte está com 94,92% das obras finalizadas”, ressaltou o senador.

A ordem de serviço foi assinada após a presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármem Lúcia, ter decidido cassar o embargo à continuidade do trecho, decretado pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região. A decisão havia paralisado os avanços dos trabalhos entre Terra Nova, no Sertão de Pernambuco, e Jati, no Ceará, impedindo que as águas chegassem ao Rio Grande do Norte.

“A estrutura vai evitar que quatro estados – Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará – entrem em colapso hídrico. No total, a água do Velho Chico vai beneficiar cerca de 7,1 milhões de habitantes em 223 municípios nesses estados. Isso é muito importante para os nordestinos”, garante Humberto.

A primeira ordem de serviço para o consórcio Emsa-Siton, responsável por finalizar o trecho, será de R$ 132 milhões. Com a assinatura do documento, a expectativa é de que as empresas levem entre oito e dez meses para concluir a obra.

De acordo com Humberto, serão abertas várias frentes simultâneas para acelerar os trabalhos. As empresas estão autorizadas a iniciar a mobilização de pessoal e as máquinas já deverão estar em campo na semana que vem. No pico das atividades, segundo o Ministério da Integração, cerca de dois mil profissionais serão contratados.

“A água do São Francisco deverá chegar ao Ceará, no reservatório Jati, até o início de 2018. De lá, seguirá pelos canais para contemplar também a Paraíba, Pernambuco e o Rio Grande do Norte”, explicou o líder da Oposição.

Humberto já propôs ao Senado a criação da comissão de fiscalização das obras do São Francisco, que, nos anos anteriores, identificou problemas e sugeriu soluções ao empreendimento ao longo da evolução dos trabalhos.

Na última segunda-feira, o líder da Oposição integrou a Caravana das Águas, ao lado da senadora Fátima Bezerra (PT-RN), presidente da Comissão de Desenvolvimento Regional do Senado, em uma visita técnica às obras do Eixo Norte e do Ramal do Apodi (Estação de Bombeamento EBI-3).

“Estivemos em Salgueiro (PE), Terra Nova (PE) e Jati (CE) para garantir que essa grande obra, que está mudando a vida de um povo que sempre sofreu com a falta de água no sertão nordestino, realmente continue andando. E é sempre bom ressaltar que foi o presidente Lula que acreditou e tirou do papel a transposição. E foi Dilma quem a acelerou, deixando-a em mais de 85% concluída”, disse Humberto.

Em 20 de abril, o Ministério da Integração Nacional assinou o contrato com o consórcio Emsa-Siton no valor de R$ 516,8 milhões para executar as três metas do Eixo Norte. A Meta 1N tem 140 quilômetros de extensão e passa pelos municípios pernambucanos de Cabrobó, Salgueiro, Terra Nova e Verdejante até a cidade de Penaforte (CE). As demais etapas (2N e 3N) estão em fase de construção.

De acordo com a pasta, a execução da primeira etapa do empreendimento foi interrompida após a construtora responsável (Mendes Júnior) ter informado ao ministério, em junho de 2016, a sua incapacidade técnica e financeira de continuar com os dois contratos firmados com o órgão. A partir deste momento, o governo federal iniciou o processo de substituição da empresa.

Humberto participa do início da Caravana das Águas que fará visita técnica às obras da Transposição do São Francisco

Humberto: Estamos aqui para garantir que essa grande obra, que está mudando a vida de um povo que sempre sofreu com a falta de água no sertão nordestino, realmente continue andando. Foto: Roberto Stuckert Filho

Humberto: Estamos aqui para garantir que essa grande obra, que está mudando a vida de um povo que sempre sofreu com a falta de água no sertão nordestino, realmente continue andando. Foto: Roberto Stuckert Filho

 

O líder da Oposição no Senado, Humberto Costa (PT-PE) participa, na próxima segunda-feira (19), do início da Caravana das Águas que tem como objetivo avaliar a retomada e o andamento das obras físicas do Eixo Norte e do Ramal do Apodi, que beneficiam os estados do Rio Grande do Norte e da Paraíba e também as obras sociais derivadas do Projeto de Integração do São Francisco nos estados de Pernambuco e Ceará.

“Essa ação de fiscalização do Senado é muito positiva. Estamos aqui para garantir que essa grande obra, que está mudando a vida de um povo que sempre sofreu com a falta de água no sertão nordestino, realmente continue andando. E é sempre bom ressaltar que foi o presidente Lula, que acreditou e tirou do papel a Transposição do São Francisco”, lembrou o senador petista.

A realização da Caravana das Águas foi aprovada durante reunião da Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) no Senado Federal. A Caravana realizará visitas técnicas e audiências públicas nos próximos dias 19 e 20 de junho, nos quatro estados (Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte), e contará com a participação de senadores dos estados envolvidos.

“Estamos acompanhando de perto essa obra. Milhares de pessoas já têm água em suas torneiras, mas ainda tem muita obra para acontecer. Não podemos permitir que esse governo ilegítimo deixe de dar prioridade para a Transposição do São Francisco”, asseverou Humberto.

A Caravana começará na segunda-feira (19), a partir das 08:00, no município de Terra Nova (PE), com uma visita da comitiva de senadores às obras do Eixo Norte e do Ramal do Apodi (Estação de Bombeamento EBI-3). Após Terra Nova, a comitiva segue para uma visita técnica à barragem na cidade de Jati (CE).

A Caravana das Águas ainda segue para as cidades de São José de Piranhas (PB), Cajazeiras (PB), Pau dos Ferros (RN) e Caicó (RN), onde acontecem outras visitas técnicas e audiências públicas. O senador Humberto Costa segue, ainda na segunda-feira (19) no final do dia para Brasília, para participar das discussões da reforma Trabalhista na Comissão de Assuntos Sociais (CAS).